quinta-feira, 11 de agosto de 2011

Saúde Mental Também Precisa Ser Observada nas Organizações de Trabalho

Por Odilon Cunha Jr. - Psicólogo pela PUCPR (CRP 08/08863)

Apesar de não haver lei que exija o profissional de psicologia nas empresas, sua atuação vem sendo cada vez mais solicitada, não apenas pelo setor de Recursos Humanos como também nas áreas de Saúde, Segurança e Meio Ambiente.

Segundo o psicólogo Odilon Cunha Jr., muitas empresas já percebem a necessidade do desenvolvimento das pessoas e suas competências para que o trabalho se torne mais efetivo. “Hoje, as empresas investem substancialmente no aspecto técnico/operacional, entretanto para que este investimento retorne as pessoas precisam estar alinhadas e prontas para utilizar esta tecnologia", diz Cunha Jr. "Assim, a capacitação dos colaboradores e equipes de trabalho torna-se de extrema importância para que o planejamento estratégico das empresas seja desenvolvido com sucesso", complementa.

A atuação do psicólogo, dentro de uma empresa, é estudar e intervir no ambiente de trabalho, nas estratégias organizacionais, nas táticas das empresas e na operação. “O psicólogo vai até a empresa, levanta as necessidades, diagnostica o que pode ser feito, o que precisa melhorar e o que deve ser mantido, elaborando e desenvolvendo um plano de ação de acordo com a política da empresa”, explica.

Segundo o psicólogo, as empresas precisam atentar à três aspectos em relação ao fator humano para alcançar o sucesso: Direcionamento estratégico, capacitação pessoal e motivação. Quando há alguma dificuldade em um desses aspectos, os serviços do psicólogo do trabalho pode auxiliar na resolução.

"Tanto em empresas grandes quanto pequenas, a atuação do psicólogo traz benefícios a curto, médio e longo prazo, propiciando melhoria do ambiente de trabalho e aumentando a efetividade das pessoas e suas equipes”, diz. "Na prática, o objetivo é promover um ambiente mais saudável, dinâmico e produtivo”, explica.

Cunha Jr. conta que uma empresa cliente sua apresentava índice significativo de doenças e acidentes de trabalho o que prejudicava direta e indiretamente sua lucratividade. Através do diagnóstico, pode-se reformular algumas estratégias da empresa, utilizando-se de treinamento, revisando e implantando novas ferramentas de trabalho. Isto trouxe como resultado a diminuição deste índice. "O psicólogo do trabalho deve proporcionar um momento de tomada de consciência das pessoas em relação ao trabalho que desenvolvem, a necessidade de se trabalhar em equipe e do comprometimento delas com as metas da empresa”, finaliza.

Fonte: http://www.comportamento.com.br/index.asp

Nenhum comentário:

Popular Posts

Seguidores